Aconteceu!

Tempo de Graça… Bendito seja Deus

A Sagrada Escritura nos revela no Antigo Testamento que existe um tempo para cada coisa: tempo para nascer, tempo para morrer, tempo para plantar e tempo para arrancar, tempo para rir e tempo para chorar… (Ecl. 3,1-8). Chegar ao final do 2019, é também um tempo para agradecer, e iniciando o 2020, podemos ficar convencidos de que nos encontramos em um tempo para sonhar e acreditar em mudanças que se fazem necessárias.

Durante o 2019, muitas coisas aconteceram na nossa comunidade, coisas que nos deixaram felizes; outras que nos deixaram pensando na possibilidade de poder ter sido diferentes. Algumas pessoas chegaram, outras partiram. Algumas acreditaram em pequenas mudanças, outras ficaram na dúvida e na desconfiança.  Diante de tudo isso, só podemos agradecer a Deus dizendo: Bendito seja Deus, pois tudo é graça.

Caríssimos, deixemos que o espírito de ano que estamos iniciando seja marcado pela confiança em Deus, e pelo serviço aos irmãos. Deixemos que o “Menino” que ainda permanece na Manjedoura, faça de nós pessoas humildes e atentas às necessidades dos outros. Continuemos lutando pela comunhão entre todos os fiéis da nossa comunidade, evitando que alguém possa se sentir excluído, concretizando o princípio que nos exorta a sermos uma Igreja que acolhe.

A riqueza da nossa comunidade se encontra nas pessoas que a conformam; contudo, não podemos descuidar o patrimônio deixado por aqueles que se doaram material e espiritualmente durante todos os anos de existência da nossa Paróquia, elevada a dignidade de Basílica, não faz muito tempo. Cuidemos dos nossos idosos, animemos os nossos jovens, motivemos as nossas crianças; olhemos com carinho a nossa Padroeira Nossa Senhora da Boa Viagem, Mãe que vigia a nossa cidade, com amor e ternura.

Obrigado a todos pelo caminho realizado durante o 2019, fazendo votos de fidelidade e perseverança para o 2020. Que a Nossa Senhora da Boa Viagem e São Bernardo, os nossos padroeiros continuem intercedendo por nós; que Santa Filomena e o Bem-Aventurado João Batista Scalabrini, Pai dos migrantes, inspirem-nos santas virtudes de seguimento e compromisso.  

   Pe. Alejandro Cifuentes, CS

Deixe um comentÁrio

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

Scroll To Top
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com