Aconteceu!

Jornada da Juventude Asiática fortalece convivência pacífica

Jornada da Juventude Asiática acontecerá entre os dias 2 e 6 de agosto na Indonésia

Da redação, com Rádio Vaticano

Realiza-se entre os dias 2 e 6 de agosto na Arquidiocese de Semara, na cidade de Yogyakarta (Ilha de Java), a VII Jornada Mundial da Juventude Asiática. A última edição foi realizada em 2014 na Coreia do Sul, na presença do Papa Francisco.

Java é a segunda maior ilha da Indonésia, onde se situa a capital do país, Jacarta. Em seus 124.413 km² de área, vivem – segundo dados de 2015 – 141.300.000 habitantes, que constituem 56,7% da população do país com o maior número de muçulmanos do mundo.

Encontros preparatórios

Os encontros preparatórios realizam-se de 30 de julho a 1º de agosto em várias dioceses indonésias, reunindo cerca de 3 mil jovens católicos provenientes de 21 países da Ásia, para viver e testemunhar o Evangelho na Ásia multicultural, como diz o próprio lema da Jornada “Joyful Asian Youth: Living the Gospel in Multicultural Asia”.

O evento adquire um particular significado no arquipélago, ameaçado cada vez mais pela presença de grupos do islã radical, inimigos do sistema de convivência democrática e pluralista, o que é garantido pela própria Constituição da Indonésia e pelo sistema de princípios nos quais se baseia, conhecido como “Pancasila”.

Valeria Martano, da Comunidade de Santo Egídio, fala sobre a realidade vivida no país:

“A situação é muito delicada, sem dúvida alguma com contínuos desdobramentos, motivo pelo qual é natural sentir um pouco de ansiedade. Porque a Indonésia é o país muçulmano mais populoso do mundo; manteve sempre esta tradição democrática, pluralista, alicerçada na ideologia da “Pancasila”, que reconhece a unidade do país na diversidade das tradições religiosas, e promove a justiça social. Todavia esta situação é colocada à dura prova por um momento de tensão que leva a pensar na existência de uma insurgência de células radicais”.

Valéria reforça a importância do evento na Indonésia, e sua representatividade para a Igreja no país:

“Na minha opinião, a Asian Youth Day para a Igreja indonésia, e sobretudo e para os jovens – que são muitos, porque este país é muito jovem – efetivamente representa uma grande abertura, um momento de abertura muito importante; porque a Indonésia é um arquipélago: existe um problema de comunicação linguística que às vezes cria dificuldades nas relações com o resto do mundo, também à juventude da Indonésia. E por outro lado, esta afluência de tantos jovens – serão cerca de 3 mil – vindos de vários países asiáticos, é esperada com muito entusiasmo. Eu verifiquei também em nossas comunidades: nós temos por exemplo um movimento dos jovens pela paz do qual participam jovens que são muçulmanos; e dentro da Jornada Asiática da Juventude ele encontrará espaço”.

O post Jornada da Juventude Asiática fortalece convivência pacífica apareceu primeiro em Notícias.

Fonte: Canção Nova

Deixe um comentÁrio

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

Scroll To Top