Aconteceu!

Encontro Internacional da Comunidade Ecumênica ocorre na França

O Encontro Internacional da Comunidade Ecumênica acontecerá de 9 a 16 de agosto em Taizé, na França, e tem como tema “por uma nova solidariedade”

Da redação, com Agência Ecclesia

jovenspatriarcas

Cardeal-patriarca de Lisboa e mais 58 jovens rumo ao Encontro Internacional da Comunidade Ecumênica, na França / Fonte: Agência Ecclesia

Neste sábado, 8, o cardeal-patriarca de Lisboa partiu com mais 58 jovens da diocese, rumo a Taizé, na França, para participar de um Encontro Internacional da Comunidade Ecumênica, que comemora 75 anos de existência.

O encontro internacional de Taizé ocorre de 9 a 16 de agosto e tem como tema “por uma nova solidariedade”, servindo também para assinalar com jovens de todo o mundo o centenário do nascimento do Irmão Roger Schütz.

Segundo os últimos dados avançados pelo gabinete de comunicação de Taizé, no total esta atividade contará com a presença de pelo menos 6 mil jovens, dos mais variados países.

Em declaração, Dom Manuel Clemente destacou a oportunidade de “reencontrar um lugar, uma mensagem e uma memória do fundador da comunidade, o irmão Roger, que são muito importantes não só como lembrança mas como projeto”.

O cardeal-patriarca aponta que a palavra central de Taizé é reconciliação. “Reconciliação entre os cristãos, entre os homens e mulheres da Europa e do mundo e hoje isso é tão importante quanto há 75 anos atrás”.

Diante dos conflitos que ainda subsistem, é essencial um projeto onde, a partir “da pessoa viva de Jesus Cristo, a humanidade se renova” e os cristãos podem ganhar maior consciência do seu papel a serviço da paz.

Celebrações

Durante a sua estadia entre os jovens, Dom Manuel Clemente vai animar dois momentos de reflexão, com destaque para uma conferência sobre a renovação que está para acontecer na Igreja, no dia 14. O cardeal-patriarca participará ainda de vários fóruns de partilha com os mais novos, direcionados para temáticas como a alegria, a simplicidade e a misericórdia.

Antes da partida para Taizé, Dom Manuel presidiu a Santa Missa na capela do Seminário dos Olivais, em Lisboa, com a participação dos familiares e amigos dos jovens.

Para Miguel Jerônimo, que segue pela terceira vez para Taizé, o espírito cristão vivo que a Comunidade de Taizé transmite é a comunhão que se cria entre todos aqueles que visitam a pequena localidade com o mesmo nome.

“Em um período em que de alguma forma o mundo está mais individualista, mais egoísta, Taizé é de fato uma parábola, um exemplo para o mundo de que é possível, ainda que com as nossas diferenças, viver em paz e harmonia uns com os outros”, observou.

Fonte: Canção Nova

Deixe um comentÁrio

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

Scroll To Top
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com