Aconteceu!

Dom Odilo fala sobre lançamento oficial de brasão da Arquidiocese

Por meio de decreto oficial, o arcebispoDom Odilo Pedro Scherer explicou a importância da constituição de um brasão oficial para a Arquidiocese

Da redação, com Arquidiocese de São Paulo

Brasão da Arquidiocese de São Paulo/ Foto: Divulgação

A Arquidiocese de São Paulo lançou nesta terça-feira, 26, seu brasão oficial. Embora a Arquidiocese já adotasse um selo identificador, o cardeal e arcebispo Odilo Pedro Scherer informou, por meio de decreto, a utilidade oportuna da constituição de um brasão oficial para a Arquidiocese. “O brasão de uma instituição apresenta, através de vários elementos simbólicos próprios da heráldica, a identidade e os ideais norteadores dessa instituição”, afirmou.

Segundo Dom Odilo a constituição do brasão foi feita após consulta com os bispos auxiliares da Arquidiocese e contou com a ajuda de um perito em ciência heráldica. O brasão contém elementos simbólicos já presentes no selo já utilizado pela Arquidiocese, além de contar com sinais e símbolos referentes a fé e a Arquidiocese.

“Emoldurando o corpo do brasão, estão as insígnias arquiepiscopais ― mitra, cruz de Lorena e báculo ― e um listel com o nome latino da arquidiocese de São Paulo. No campo azul do corpo do brasão, a constelação estelar do Cruzeiro do Sul indica a localização de nossa Arquidiocese no Brasil e no hemisfério Sul. No campo vermelho, o livro representa a Palavra de Deus, fundamento da fé cristã e da vida da Igreja. O livro sagrado aberto refere-se ao anúncio missionário e à graça do Evangelho, oferecida a todos”, explicou Dom Odilo.

Sobre o livro das Sagradas Escrituras o arcebispo comenta que a espada simboliza a verdade da Palavra de Deus e também o vigor, a disposição e a coragem com que São Paulo se dedicou a Palavra e ao testemunho de fé. A cor azul escolhida no brasão representa, de acordo com o cardeal, virtudes da justiça, lealdade, doçura, e piedade, características atribuídas a ele à Igreja e a Arquidiocese. “O azul é também é a cor de Maria, Mãe da Igreja, invocada em nossa Catedral como Nossa Senhora da Assunção”, reforçou.

A cor prata das estrelas que compõe o brasão indica, segundo o arcebispo, as virtudes da fé, pureza, integridade e comprometimento na defesa dos pequenos e pobres. Por fim, o campo vermelho simboliza as virtudes do amor e do ardor missionário, da fortaleza, fidelidade e alegria. “Lembra também o martírio do apóstolo São Paulo, Patrono da Arquidiocese”, complementou o cardeal.

O post Dom Odilo fala sobre lançamento oficial de brasão da Arquidiocese apareceu primeiro em Notícias.

Fonte: Canção Nova

Deixe um comentÁrio

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

Scroll To Top