Aconteceu!

AIS apresenta plano para reconstruir igrejas e casas de cristãos no Iraque

Aldeias e povoados cristãos destruídos durante ocupação jihadista devem ser reconstruídas com auxílio desse plano

Da redação, com Fundação AIS

Registro de destruição no Iraque / Foto: ©Fundação AIS

A Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre (AIS) apresentará no dia 28 de outubro, em Roma, uma conferência intitulada “Iraque, o regresso às raízes”, em que discutirá a reconstrução das aldeias e povoados cristãos na Planície de Nínive, que foi ocupada por jihadistas do Estado Islâmico. O projeto está orçado em 250 milhões de euros. 

Calcula-se que aproximadamente 12 mil famílias, ou cerca de 95 mil pessoas, foram forçadas a fugir no verão de 2014 abandonando tudo o que tinham por causa da invasão dos jihadistas. Para levar o projeto adiante, foi criado o Comitê para a Reconstrução da Planície de Nínive que engloba, além da Fundação AIS, representantes de igrejas iraquianas, técnicos de engenharia, arquitetos e gestores.

Casas, igrejas, hospitais e escolas foram saqueadas e destruídas durante a ocupação do Estado Isâmico. Foram identificados que 363 estruturas ligadas à igreja ― tais como templos, conventos, salas paroquiais e seminários ― necessitam de reparos urgentes.

Leia mais
.: AIS contribui com reconstrução de centro esportivo na Síria

Nesta quarta-feira, 27, houve uma conferência que contou com a presença do secretário de Estado do Vaticano, Cardeal Pietro Parolin, do Cardeal Mauro Piacenza, presidente Internacional da Fundação AIS,  da diretora do secretariado português da AIS, Catarina Martins, entre outros. Na pauta, a avaliação dos desafios que a comunidade cristã enfrenta na região, não só no que diz respeito ao projeto de reconstrução de casas particulares, edifícios da Igreja e infraestruturas, mas também das questões relacionadas à segurança da população, a reconstrução de vias de acesso e de localidades que estiveram ocupadas pelos jihadistas.

Apoio papal

O Papa Francisco tem acompanhado os projetos da Fundação AIS para auxiliar os moradores da Planície de Nínive. O Santo Padre recebeu, em agosto, Mark von Riedemann e Marcela Szymanski, representantes da AIS, que explicaram a ele como o projeto pretende ajudar os moradores locais afetados pelo conflito, além do caráter ecumênico do Comitê de Reconstrução.

O Pontífice chegou a fazer uma doação a uma clínica em Erbil, cidade que fica no Curdistão iraquiano. A clínica, que funciona com apoio de membros da AIS, presta auxílio a três mil pessoas na região.

O post AIS apresenta plano para reconstruir igrejas e casas de cristãos no Iraque apareceu primeiro em Notícias.

Fonte: Canção Nova

Deixe um comentÁrio

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios *

*

Scroll To Top
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com